A importância da gestão da saúde corporativa no desempenho dos colaboradores

Investir na gestão da saúde corporativa ajuda a aumentar o desempenho dos colaboradores. Contratar e aperfeiçoar os serviços que vão prevenir e tratar doenças, promovem resultados melhores nas empresas.

Quando os colaboradores estão saudáveis psicológica e fisicamente, eles são capazes de focar mais nas suas atividades, reduzindo o absenteísmo.

 

Definição de gestão de saúde corporativa

A gestão de saúde corporativa promove ações preventivas em relação à saúde e autocuidado. Além de promover, os gestores devem acompanhar os resultados e efeitos dessas ações, a fim de aperfeiçoar os programas de saúde.

A gestão de saúde corporativa tem como objetivo prevenir doenças ocupacionais de maneira inteligente. A ideia é fornecer bem-estar psicológico e físico para os colaboradores, incentivando autocuidado e ações de promoção de saúde.

A saúde do indivíduo é determinada pela genética, ambiente, hábitos de vida e acesso aos serviços de saúde. Quando a empresa faz gestão de saúde corporativa aos seus colaboradores, impacta diretamente nos últimos três fatores.

Um dos benefícios corporativos mais desejados pelos funcionários é o plano de saúde. No entanto, os gastos com esse tipo de benefício são muito elevados.

Pensando nisso, muitas empresas têm optado por fazer a gestão de saúde corporativa, com caráter preventivo, proporcionando vantagens a longo prazo tanto para empresa, quanto para os colaboradores. As principais vantagens da gestão de saúde nas empresas são:

  • Colaboradores mais produtivos
  • Redução de custos
  • Aumento do bem-estar coletivo
  • Redução do absenteísmo
  • Uso de recursos de forma mais estratégica

 

Por que apostar nessa gestão?

grupo bplan

Dentro da CLT, não há normas em relação a oferta de benefícios relacionados à saúde como vale-academia e plano de saúde. O que consta na Lei é que as empresas devem proporcionar um ambiente seguro e saudável para os colaboradores.

Por isso, desenvolver uma gestão de saúde corporativa se torna um diferencial competitivo.

Aplicar a gestão de saúde nas empresas é uma demanda muito importante, pois conforme informações do Observatório de Segurança e de Saúde no Trabalho, entre 2012 e 2019, aconteceram:

·         17.874 mortes de trabalhadores, com carteira assinada;

·         4,89 milhões de acidentes de trabalho de colaboradores, com carteira assinada;

·         2,85 milhões de notificações no Sistema Nacional de Agravos de Notificação;

·         382,15 milhões de dias de trabalho perdidos, por conta de afastamentos;

·         R$ 85.816 milhões gastos com afastamentos acidentários.

Esses dados ressaltam a importância de ter uma gestão de saúde na sua empresa para reduzir colaboradores afastados, adoecidos e acidentados.

Além de gerar grandes transtornos financeiros para as empresas, mesmo quando o INSS assume o pagamento de auxílios. O afastamento de colaboradores altera a dinâmica da equipe, sobrecarrega outros funcionários e reduz a produtividade.

Quer saber mais sobre a gestão de saúde para empresas? Clique aqui e fale conosco.

 

grupo bplan


Deixe um comentário

Chamar no Whatsapp
Chamar no Whatsapp
Olá!
Clique aqui para falar conosco via WhatsApp